707 25 25 25
Escleroterapia

O que é?

As varizes são um problema para milhões de homens e mulheres em todo o mundo e que afetam pessoas de diferentes faixas etárias, tipo de pele e estilo de vida. A variz surge quando há um aumento irreversível do tamanho de uma veia. Dilatações em vasos muito pequenos são popularmente denominados derrames.

A Escleroterapia, técnica conhecida por “queimar varizes” é um procedimento médico realizado para o tratamento de varizes, derrames e ainda “aranhas vasculares”. Neste procedimento, é injectada uma solução de um medicamento directamente na veia que provoca o seu colapso, passando o sangue a circular por outras veias mais saudáveis.

Este procedimento pode também ser realizado com uma versão da solução em espuma, sobretudo para varizes maiores uma vez que a espuma tende a cobrir uma superfície maior do que o líquido. Ambas as técnicas são igualmente seguras. Quando o líquido ou espuma continua em circulação e atinge vasos de maior calibre, é diluído pelo sangue e perde seu efeito.

Como funciona?

Antes do procedimento, será avaliada a história clínica do paciente e será realizada a sua avaliação médica. É importante tentar perceber qual a causa para a formação das varizes e, por isso, importa averiguar a existência de doenças recentes ou condições médicas existentes, como problemas cardíacos, uso de medicação, como aspirina, anti-inflamatórios, antibióticos, anticoagulantes ou contraceptivos orais.

A técnica é realizada em ambulatório, e tem uma duração aproximada de 30 minutos, onde são feitas pequenas administrações injectáveis de medicamentos esclerosantes directamente nas varizes, derrames e aranhas vasculares fazendo com que ocorra um colapso, passando o sangue a circular por outras veias mais saudáveis.

A Escleroterapia é um procedimento seguro com poucas complicações. Podem ocorrer alguns efeitos secundários no local da injecção como uma sensação de ardor, aparecimento de zonas vermelhas, pele mais escura em forma de linhas ou pontos. Estes efeitos secundários tendem a passar em alguns dias a semanas. Poderá ainda ocorrer a formação de hematomas e/ou edema que, dependendo de cada paciente, desaparecem ao fim de cerca de alguns dias.

Quem é candidato?

A Escleroterapia é realizada por motivos estéticos, para tratar e melhorar a aparência das varizes, derrames e aranhas vasculares, e  também para melhorar alguns sintomas relacionados, como a dor, o inchaço e o ardor.

Cuidados antes e após:

No dia anterior ao procedimento, deve evitar a depilação ou a aplicação de cremes nas pernas. Devem ser vestidas roupas leves e confortáveis. O paciente deverá levar para o tratamento meias de descanso, que serão calçadas no final da sessão.

Nas 48 horas a seguir ao tratamento deverá evitar exercício físico, bem como evitar calças e sapatos apertados. Dormir com as pernas ligeiramente elevadas, também ajuda a uma melhor circulação sanguínea e a aliviar algum desconforto.

O paciente deverá evitar a exposição solar durante 1 mês, bem como expôr as pernas a temperaturas demasiado elevadas.

É contraindicado fumar durante o período de recuperação.

Resultados:

O número de sessões  e os resultados variam consoante a indicação clínica de cada paciente. Durante a aplicação é possível visualizar a entrada do medicamento, alguns vasos desaparecem imediatamente após a primeira sessão de Esclerose ou vão secando gradualmente e outros apenas diminuem. Por este motivo, em alguns casos podem ser necessárias várias sessões de Escleroterapia. Os intervalos entre as sessões devem ser em média de 15 dias.

Idealmente, e para obtenção de um melhor resultaldo, o tratameto de Esclerose pode e deve ser combinado com o Vasculight para potenciar e prolongar resultados.